O certo foi feito errado ou o erro foi fazer certo?

Sobre toda essa polêmica entre Vettel, Webber e Red Bull, não vejo uma resposta. Vejo algumas.

Um campeão jamais aceita “perder”. Um campeão vive de vitórias, especialmente quando ela está logo adiante e quando há todas as possibilidades de obtê-la.

O Vettel desobedeceu o combinado?
Sim.

O Webber tem razão de ficar puto?
Sim.

A Red Bull deixou claro que seus diretores (Horner e Newey) não tem controle completo?
Evidente.

Estas são as únicas respostas precisas. Mas pra várias perguntas há mais de uma resposta, certa ou não.

Agora, porque um tricampeão tem que engolir chegar atrás se pode vencer?

Porque o Webber não retomou a potência máxima do seu carro e lutou pra retomar a vitória?

Este negócio de ordem de equipe existe ou não?

O fato é que pro esporte é lindo que haja isso. Queremos ver brigas, provocações, desentendimentos, divididas de curvas, rivalidades e etc! Especialmente isso em um final da prova e espetacular! Enquanto isso a Mercedes lá dando um “foda-se” ao público e passeando com seus carros. É como disse um dia o maior de todos durante uma entrevista a Jacky Stwart:

Eu acho que Vettel deveria assistir a este vídeo e deveria assumir sua posição, e não ficar se desculpando.

Dai eu volto pro título deste post:

O certo foi feito errado ou o erro foi fazer certo?

Anúncios

2 pensamentos sobre “O certo foi feito errado ou o erro foi fazer certo?

  1. Pontos à se notar:
    – Os dois trabalham para uma equipe.
    – Se o Vettel aceitou o combinado previamente e não quer chegar em segundo, já errou aí.
    – As brigas e disputas entre companheiros de antigamente, foram a origem desse tipo de jogo de equipe que a Mercedes praticou.
    – Dinheiro: as equipes estão na F1 por causa de dinheiro. Pontos e posição do campeonato, isso é que dá dinheiro. Pra eles é muito melhor garantir o dinheiro de 2 carros pontuando, com um acordo pré-corrida, do que não ter nada na noite de domingo.
    – Campeões não querem chegar em segundo e é por isso que as equipes raramente contratam dois pilotos que querem ser campeões e andam no mesmo nível. Exceção: Mclaren.

    Abs!

    • Samuel Simoes disse:

      O comentario do Rafa foi perfeito na minha opinião. Tambem acho que se o Vettel nao aceita chegar em segundo em uma situação em que pode chegar em primeiro disputando posição com o companheiro então deixe previamente claro com a equipe e o Webber. Não vem apunhalar pelas costas covardemente como fez, isso foi coisa de sem carater e o pior foi a desculpinha mais sem carater ainda depois da carrodia, onde disse q não foi intencional, faz favor né, alguem da uns tapas nesse moleque.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s